quarta-feira, 27 de junho de 2012

Novidade Bertrand: "Cama de Gato" de Kurt Vonnegut

Género: Romance/ Ficção Científica
Tradutor: Rosa Amorim
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 216
Data de lançamento: 29 de junho
PVP: 15,50 €

   A sua obra mais (re)conhecida é sem dúvida Matadouro Cinco ou a Cruzada das Crianças, mas Vonnegut é também autor de vários romances, ensaios e peças de teatro. Depois da publicação em agosto passado de Matadouro Cinco, dá-se continuidade à obra deste “hilariante profeta da desgraça” com Cama de Gato.

   «O doutor Felix Hoenikker, um dos «pais» da bomba atómica, deixou à humanidade um legado fatídico. Foi ele o inventor do gelo-nove, um químico letal capaz de congelar o mundo inteiro.
   As investigações de John, o escritor que está a preparar uma biografia de Felix, conduzem-no aos três excêntricos filhos do cientista, a uma ilha nas Caraíbas onde se pratica a religião bokononista e, mais tarde, ao amor e à loucura.
   Narrado com um humor desarmante e uma ironia amarga, este livro de culto acerca da destruição global é uma sátira hilariante e assustadora sobre o fim do mundo e a loucura dos homens.
  "alguém ou alguma coisa me impeliu a estar em certos lugares em determinados momentos, sem falha. Foram providenciados meios e motivos, tanto convencionais como bizarros. E segundo o plano, a cada dado instante, em cada dado lugar, lá estava este Jonah aqui:
   Escutem:
   Quando eu era mais novo – duas mulheres, 250 000 cigarros e 750 litros de cerveja atrás…
   Quando eu era muito mais novo, comecei a reunir material para um livro a ser intitulado O Dia Em Que o Mundo Acabou."»


A crítica
«Uma das vozes mais hilariantes, sábias e humanas na ficção seja de onde for» - Daily Telegraph
«Um hilariante profeta da desgraça» - The New York Times
«Único… um dos autores que nos mapeia as paisagens, que dá nomes aos lugares que melhor conhecemos.» - Doris Lessing, The New York Times Book Review
«O nosso melhor humorista negro… Rimo-nos em autodefesa.» - The Atlantic Monthly
«Vonnegut olhava para o mundo bem nos olhos e nunca vacilava» - J. G. Ballard
«Um satírico inimitável e que não imita ninguém» - Harper’s Magazine


O autor
   Kurt Vonnegut nasceu em Indianapolis a 11 de novembro de 1922 e morreu em Nova Iorque a 11 de abril de 2007. Licenciou-se em Química e alistou-se no exército americano, com o qual combateu na Segunda Guerra Mundial. Foi feito prisioneiro e presenciou o bombardeamento de Dresden. Após a Guerra, formou-se em Antropologia É autor de vários romances, ensaios e peças de teatro, entre os quais se destaca Matadouro 5 ou A cruzada das Crianças de 1969.

0 comentários:

Enviar um comentário