sábado, 26 de novembro de 2011

Novidades Alfarroba: "Demência" e "Menina Cativa"‏




































Booktrailer:

















Novidade Alfarroba: "A Devota"‏ de Ricardo Tomaz Alves



Booktrailer:

Novidade Bertrand: "Estações Diferentes‏" de Stephen King

Género: Thriller
Tradutor: João Brito
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 552
Data de lançamento: 25 de novembro
PVP: 16,50 €


   Stephen King surpreende-nos uma vez mais com a originalidade das suas histórias e o seu talento como escritor. Estações Diferentes é uma coleção de quatro novelas, três das quais foram adaptadas ao cinema.

   «Os Condenados de Shawshank narra a história de um homem inocente que concebe um esquema para fugir da prisão.
  Na segunda novela, Aluno dotado, adaptado ao cinema com o título Sob Chantagem, King apresenta-nos um menino exemplar que desafia um velho sinistro a despertar um mal há muito enterrado.
   Em O Corpo, adaptado ao cinema com o título Conta Comigo, quatro rapazes aventuram-se nos bosques e a sua viagem acaba por se tornar num ritual de passagem da infância à maturidade, com a perda da inocência.
  A Técnica da Respiração é uma história macabra acerca de uma mulher determinada a dar à luz e que, para isso, mantém o seu bebé vivo nas circunstâncias mais extraordinárias.»

A crítica
«Triunfante... Stephen King continua a ser um mestre.» - New York Times
«Um dos maiores contadores de histórias do nosso tempo.» - Guardian
«Um escritor de excelência» - The Sunday Times
«Um escritor com um talento incrível.» - Guardian
«O indiscutível rei do terror.» - revista Time

O autor
   Stephen King, apelidado por muitos de «mestre do terror», escreveu mais de quarenta livros, incluindo Carrie, A História de Lisey e Cell - Chamada para a Morte. Vencedor do prestigiado National Book Award e nomeado Grande Mestre nos prémios Edgar Allan Poe de 2007, conta hoje com mais de trezentos milhões de exemplares vendidos em cerca de trinta e cinco países. Números e um currículo impressionantes a fazerem jus ao seu estatuto de escritor mais bem pago do mundo.


Do mesmo autor na Bertrand:
A Hora do Vampiro
O Turno da Noite
A Maldição – Duma Key
Carrie
Cell – Chamada para a Morte
Insónia
O Retrato de Rose Madder
A História de Lisey
Misery
A Metade Sombria
Meia-Noite e Dois
Meia-Noite e Quatro

Novidade Bertrand: "Terra Sangrenta: A Europa entre Hitler e Estaline" de Timothy Snyder

Género: Ensaio
Tradutor: Rita Guerra
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 624
Data de lançamento: 25 de novembro
PVP: 21,90 €

   Bem documentado e profundamente investigado, Terra Sangrenta é de leitura obrigatória para todos os que procuram compreender a tragédia central da história moderna.

   Antes sequer da Segunda Guerra Mundial ter começado, Estaline, o aliado americano durante a guerra, tinha fuzilado e privado de alimentos milhões dos seus, tendo continuado a fazê-lo durante a guerra. Embora os soldados americanos tenham libertado campos de concentração, nunca chegaram às fábricas da morte, aos campos de massacre e aos locais de privação de alimentos onde Hitler e Estaline assassinaram civis em grande escala. Em doze anos, as políticas de massacre deliberadas e não relacionadas com o combate dos regimes nazi e soviético mataram catorze milhões de pessoas, numa zona de morte, entre Berlim e Moscovo. Com o fim da guerra, as terras sangrentas caíram atrás da «cortina de ferro», deixando a sua história mergulhada na escuridão.

    Em Terra Sangrenta, o aclamado historiador Timothy Snyder apresenta uma investigação pioneira sobre o local onde os europeus foram mortos aos milhões e uma explicação sustentada dos motivos e métodos de Hitler e Estaline. Fixa a história do Holocausto de Hitler e do Terror de Estaline no tempo e no espaço, apresenta episódios esquecidos dos homicídios em massa nazis e soviéticos e elabora um relato da relação entre os dois regimes sob uma nova perspetiva. Utilizando a literatura já existente e fontes primárias em todas as línguas relevantes, Snyder dedica especial atenção às fontes deixadas pelas vítimas: cartas para casa, bilhetes lançados de comboios ou diários descobertos com os cadáveres.

A crítica
“Timothy Snyder escreveu uma análise nuanciada, original e penetrante dos campos de morte da Europa do século XX entre a Rússia e a Alemanha, recorrendo a fontes pouco conhecidas. Uma história importante, Terras Sangrentas também nos pode direcionar para as lições do nosso tempo.” — Timothy Garton Ash, Professor de Estudos Europeus, Universidade de Oxford e autor de The File

“Um estudo arrepiantemente sistemático do homicídio em massa perpetrado pela União Soviética e pela Alemanha Nazi… Um trabalho marcante de números e erudição impressionantes.” - KIRKUS, Starred Review

O autor
   Timothy Snyder é professor de História na Universidade de Yale. Doutorado pela Universidade de Oxford, foi membro do corpo diretivo das universidades de Paris, Viena, Varsóvia e Harvard. Os seus quatro livros anteriores receberam prémios que incluem o George Louis Beer Prize por The Reconstruction of Nations e o Pro Historia Polonorum por Sketches from a Secret War. O seu trabalho mais recente intitula-se The Red Prince: The Secret History of a Habsburg Archduke. Vive em New Haven, Connecticut.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Últimas Novidades Presença para Novembro



Dei-te o Melhor de Mim
Nicholas Sparks

Colecção: Grandes Narrativas
P.V.P.: 17,50 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 22/11/2011
Nº de Páginas: 304



Mina e as Coincidências
José-Augusto França

Colecção: Grandes Narrativas
P.V.P.: 14,90 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 22/11/2011
Nº de Páginas: 200





Simão, o Fantástico
Sofia Bragança Buchholz

Colecção: Diversos
P.V.P.: 12,90 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 22/11/2011
Nº de Páginas: 180



A Arte da Crítica
Álvaro Manuel Machado

Colecção: Fundamentos
P.V.P.: 14,90 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 22/11/2011
Nº de Páginas: 192





Os Cavaleiros da Montanha
Uma aventura em verso
Maria Teresa Maia Gonzalez

Colecção: Arca do Tesouro
P.V.P.: 9,90 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 22/11/2011
Nº de Páginas: 60



De Mãos Dadas com a Perfeição
Sofia Bragança Buchholz

Colecção: Grandes Narrativas
Relançamento
P.V.P.: 15,11 €

Nº de Edição: 2ª
Data 1ª Edição: 01/03/2003
Nº de Páginas: 192

Novidade Bertrand: "Ecos do Passado" de Danielle Steel

Género: Romance
Tradutor: Maria Emília Ferros Moura
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 360
Data de lançamento: 18 de novembro
PVP: 16,50 €


   Num ambiente histórico muito rico, Danielle Steel oferece-nos uma comovente história de amor e guerra, de gestos de lealdade e gestos de traição, das vidas de três gerações de mulheres e dos seus percursos de sobrevivência e luto, ligadas por uma indomável devoção cujos ecos atravessam o tempo.

   «O verão de 1915, em plena Guerra Mundial, foi um tempo simultaneamente de prosperidade e desconforto para a família Wittgenstein. Mas para a filha mais velha, Beata, foi também um despertar, que a obrigou a tomar a decisão mais importante da sua vida, cujos ecos se farão sentir durante longo tempo. Mais tarde, durante a Segunda Guerra Mundial, caberá à sua filha procurar o seu lugar entre a família há muito perdida e os seus sonhos para o futuro, um futuro de esperança bem enraizado no solo fértil do passado.
   Com toda a elegância que lhe é característica, Danielle Steel dá vida à História e cria uma narrativa ousada e comovente, de personagens inesquecíveis e imagens de grande beleza. Ecos do Passado transporta-nos para um mundo já desaparecido e tece uma rica tapeçaria do amor de uma mãe, da coragem de uma filha e da fé inabalável que lhes deu força, mesmo nos piores momentos da História.»

A crítica
«Há romance que chegue para prender os leitores.» - Publishers Weekly
«Uma comovente história de amor e perda.»Booklist

A autora
   Danielle Steel é a mais popular das autoras contemporâneas e já entrou no Guinness World Records por ter tido um ou mais livros seus durante 381 semanas consecutivas na lista de best-sellers do New York Times.
   Em 2002, a autora foi galardoada com a prestigiante Ordre des Arts et des Lettres pelo seu contributo de uma vida para a cultura mundial. É ainda fundadora de duas instituições de solidariedade, em memória do seu filho Nick: a Nick Traina Foundation, que apoia doentes do foro psiquiátrico e crianças vítimas de maus-tratos, e a Yo! Angel!, que ajuda os sem-abrigo.
   A autora, mãe de nove filhos, vive em São Francisco e Paris.

Da mesma autora na Bertrand:
Um Longo Caminho para Casa
Uma Paixão
Estrela
Tempo para Amar
O Beijo
Jogos de Sedução
O Casamento
Uma Vez na Vida
Cinco Dias em Paris
A Avó Dan
A Luz que Brilha – A história do meu filho
A Mansão Thurston
Um Amor Imenso
A Casa da Rua da Esperança
Segredos

Novidade Bertrand: "Dezembro" de Elizabeth H. Winthrop

Género: Romance
Tradutor: Patrícia Xavier
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 280
Data de lançamento: 18 de novembro
PVP: 16,50 €


   De leitura compulsiva e emocionante, Dezembro é uma obra de uma originalidade maravilhosa e de grande impacto emocional.

   «A pequena Isabelle, de onze anos, não diz uma palavra há quase um ano. Desistiram dela quatro psiquiatras, classificando o seu silêncio como impenetrável. Os seus pais sentem-se incrédulos e aterrorizados com o isolamento da filha e com o facto de gradualmente estarem a perder o controlo sobre a vida familiar. A escola de Isabelle, que até agora tomou a atitude extraordinária de a deixar fazer os testes e trabalhos em casa, está prestes a expulsá-la, obrigando os seus pais a confrontarem-se com a possibilidade de aquilo que julgaram tratar-se de uma extravagância de adolescente, uma fase, ser afinal uma transformação definitiva, um isolamento de onde a filha poderá nunca vir a sair.
   Dezembro dá vida a um quadro inesquecível de uma família em crise e de um mês na vida de uma rapariga inteligente e fascinante, encerrada num isolamento criado por si própria e do qual só ela pode decidir libertar-se.»

A crítica
«Um romance extraordinário, ao mesmo tempo sedutor e provocante.» - The Times
«Um conto de fadas moderno.» - New York Times
«Winthrop é mestre a observar, e a sua capacidade de cristalizar temas em imagens dá vida a este comovente drama familiar.» - Publishers Weekly

A autora
   Elizabeth Hartley Winthrop nasceu em Nova Iorque. Este é o seu segundo romance, mas tem vários contos editados em diversas publicações.   
   Atualmente, vive na Georgia.

Novidades Presença - 2ª Quinzena de Novembro


Mulheres de Vida Apaixonada
Tudo por um sonho
Maria Pilar Queralt del Hierro

Colecção: Diversos
P.V.P.: 16,90 € 15,21 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 252




O Voyeur
Brian Freeman

Colecção: O Fio da Navalha
P.V.P.: 16,60 € 14,94 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 376


A Pipoca Mais Doce
Agenda
Ana Garcia Martins

Colecção: Diversos
P.V.P.: 15,90 € 14,31 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 176



A Balada do Café Triste
Carson McCullers

Colecção: Obras Literárias Escolhidas
P.V.P.: 9,99 € 8,99 €

Nº de Edição: 2ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 80



O Estranho Caso do Ladrão de Notícias
Geronimo Stilton

Colecção: Geronimo Stilton
P.V.P.: 8,50 € 7,65 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 128



O Trenó Novo do Pai Natal
Nuno Caravela

Colecção: Diversos
P.V.P.: 5,90 € 5,31 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 48



Feliz Natal, Bolinha!
Eric Hill

Colecção: Bolinha
P.V.P.: 9,99 € 8,99 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Páginas: 20



História Contemporânea de Portugal
Do 25 de Abril à Actualidade - Volume I
António José Telo

Colecção: Fundamentos
Relançamento
P.V.P.: 18,90 € 17,01 €

Nº de Edição: 1ª
Data 1ª Edição: 07/03/2007
Nº de Páginas: 400


Quem Está Aí, Bolinha?
Eric Hill

Colecção: Bolinha
Relançamento
P.V.P.: 8,90 € 8,01 €

Nº de Edição: 2ª
Data 1ª Edição: 20/10/2009
Nº de Páginas: 32

Novidade Porto Editora: "CHERUB: O Sonâmbulo" de Robert Muchamore

Título: O Sonâmbulo
Autor: Robert Muchamore
Coleção: CHERUB
Tradução: Miguel Marques da Silva
Págs.: 344
Capa: mole
PVP: 12,90 €

   Oito primeiros livros da coleção venderam mais de 100 mil exemplares

   O nono livro da coleção juvenil CHERUB, criada pelo escritor inglês Robert Muchamore, chama-se O Sonâmbulo e, a partir de 2 de novembro, está à venda em todo o país. Os oito títulos anteriores desta série já venderam mais de 100 mil exemplares em Portugal.
  Nas duas últimas edições da Feira do Livro de Lisboa, vários órgãos de comunicação social testemunharam o êxito da CHERUB junto dos jovens portugueses. A coleção tinha entrado num patamar de sucesso que faz com que cada obra seja muito ansiada. Esta não é exceção.


Sinopse
   «Um avião explode em pleno voo transatlântico, causando a morte a 345 pessoas. Os investigadores suspeitam de um ato terrorista, mas não têm como prová-lo. Entretanto, a polícia recebe um telefonema de um jovem de 12 anos que acusa o pai de envolvimento no acidente. Pode ser uma pista, mas as provas teimam em não aparecer e o rapaz apresenta um historial de violência e problemas emocionais.
   Os agentes da CHERUB são chamados a intervir em mais uma missão delicada e ultraperigosa!»

   Primeiras páginas: disponíveis aqui.

Imprensa
«Robert Muchamore é o escritor infantojuvenil da atualidade.» - Jornal de Notícias
«Robert Muchamore criou um novo tipo de agente secreto: miúdos órfãos. Os livros da coleção Cherub dirigem-se a jovens entre os 12 e os 17 anos. E são um sucesso.» - Sol
«Os serviços secretos britânicos MI5 têm uma ramificação juvenil. Crianças e jovens são recrutados para missões de combate ao terrorismo e ao tráfico de droga. São formados na Cherub, a academia imaginada por Robert Muchamore.» - Público
«Robert Muchamore, autor juvenil das séries CHERUB, arrasta multidões.» - Diário Económico  

A CHERUB
   É o braço juvenil dos serviços secretos britânicos (MI5). O grupo foi criado a partir do pressuposto de que nenhum criminoso desconfiaria de que crianças perfeitamente normais pudessem ser espiões. Porém, os membros da CHERUB, embora o pareçam, não são jovens normais, mas sim profissionais treinados com rigor – todos eles órfãos –, enviados para missões de espionagem contra terroristas e traficantes de droga temidos internacionalmente.
   Vídeo Porto Editora sobre a coleção: aqui. Sítio oficial português: aqui.

O autor
  Robert Muchamore nasceu a 26 de dezembro de 1972, em Islington, Inglaterra. Trabalhou durante treze anos como detetive privado, mas abandonou a profissão para se dedicar à escrita a tempo inteiro.
   Costuma levar quatro a cinco meses a escrever um livro, sendo que dedica o primeiro à pesquisa e o segundo à planificação da história. Só depois escreve. Segundo o próprio, tentar escrever aquilo que gostaria de ter lido aos 13 anos de idade foi a principal razão para a criação da coleção CHERUB.

A coleção

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Novidade Alfarroba: "eu+tu=1" de Paula Santos



Booktrailer:

Novidade Bertrand: "Os Diálogos dos Amantes" de Francesco Alberoni

Género: Romance
Tradutor: Maria Nóvoa
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 312
Data de lançamento: 4 de novembro
PVP: 16,50 €   

   O sociólogo que revolucionou os estudos acerca da amizade, do amor e do sexo.

   «Num futuro próximo, em que a manipulação genética e a neurociência ameaçam a autodeterminação do indivíduo e a unidade da espécie humana, Sakùntala e Rogan exploram desejos e paixões através de um diálogo sem tabus nem inibições. O seu amor, exclusivo e fiel, constrói-se à medida que se vão conhecendo e que vão vivendo experiências eróticas e sentimentais sempre novas.
   Através dos seus diálogos, vamos descobrindo um mundo no qual a programação genética vai conduzindo a humanidade a um sistema de castas e à abolição da liberdade de escolha individual, um sistema contra o qual se batem os protagonistas, arriscando a própria vida.
   Acima de tudo, exploramos com os dois amantes o derradeiro reduto que é o sexo, o meio através do qual homens e mulheres podem alcançar a mais profunda das intimidades.»

O autor
   Popular sociólogo italiano, Francesco Alberoni nasceu em 1929, em Piacenza, Itália. Licenciado em medicina pela Universidade de Pavia, estudou psicanálise e estatística, tendo desenvolvido investigação no campo das probabilidades. Tornou-se professor de sociologia em 1964, primeiramente em Milão, a que se seguiu Trento, Catania, Lausanne e novamente Milão. Desenvolveu uma teoria dos movimentos coletivos, patente nos seus livros Estado Nascente (1968) e Movimento e Instituição (1977). Alberoni adquiriu renome mundial após a publicação de Enamoramento e Amor (1979), o seu livro mais traduzido e mais vendido. Foi como estudioso do sentimento amoroso que Alberoni encontrou popularidade. Ao dedicar-se a um tema comum até então desprezado pela sociologia, Alberoni levou esta ciência até junto dos leigos, facto pelo qual é louvado por uns e criticado por outros.


Do mesmo autor na Bertrand:
A Amizade
Amo-te
O Erotismo
A Esperança
Génese
Os Invejosos
As Nascentes dos Sonhos
O Optimismo
O Primeiro Amor
Público e Privado
Tenham Coragem
Valores
O Voo Nupcial
O Altruísmo e a Moral
Saber Decidir
O Mistério do Enamoramento
Sexo e Amor
Lições de Amor

Novidade Vogais: "Acabou-se a Festa!" de Pedro Cosme Vieira


   Um livro corajoso que ninguém quis prefaciar

  Em Acabou-se a Festa: Soluções Ousadas para Reerguer portugal, já à venda em todo o país (16,99€), Pedro Cosme Vieira, professor de carreira na Faculdade de Economia da Universidade do Porto, faz uma análise descomprometida e arrojada do estado caótico das finanças e da economia portuguesas, traçando cenários de evolução a curto e médio prazo bastante divergentes daqueles que são apontados pelo Governo e largamente difundidos pela maioria dos meios de comunicação jornalísticos.

   Esta interpretação corajosa da saúde financeira e económica de Portugal é acompanhada de um enquadramento no contexto europeu e internacional que oferece ao leitor uma perspectiva abrangente dos problemas nacionais.

     Mas Pedro Cosme Vieira não se limita a traçar cenários: apresenta sugestões concretas e detalhadas para o futuro do país, possivelmente polémicas, mas devidamente consubstanciadas com dados e fontes insuspeitos. Todo o livro é perpassado por um tom irónico, muito próprio do autor, que surpreende pelo carácter inédito no discurso de um professor universitário sobre temas complexos e não raras vezes apresentados de forma asséptica, livre de emoções, de propostas concretas e contracorrente. Um livro que apresenta soluções arrojadas, mas, na sua opinião, inevitáveis para que Portugal afaste definitivamente a crise.

O autor
   Pedro Cosme Vieira nasceu no Porto em 1965 e é, há 22 anos, professor de carreira na Faculdade de Economia da Universidade do Porto, onde tem leccionado principalmente Microeconomia, Matemática Financeira e Informática.
  É licenciado em Engenharia, que exerceu durante apenas 20 semanas, mestre em Macroeconomia, doutorado e agregado em Microeconomia, sempre pela Universidade do Porto.
 Considera que, por causa da sua dedicação total ao estudo e ensino das ciências económicas, não fez mais nada que valha a pena referir, pelo que tem a ilusão de que no futuro vai ser recordado por este livro.

Novidade Bertrand: "O Ano do Dilúvio" de Margaret Atwood


Género: Ficção Literária
Tradutor: Miguel Batista
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 480
Data de lançamento: 4 de novembro
PVP: 18,50 €

   Um livro visionário, profético, de dimensões bíblicas, que põe a nu o mais ridículo e o mais sublime do ser humano, a nossa capacidade para a destruição e para a esperança. Negro, terno, inquietante, violento e hilariante, revela Margaret Atwood no seu melhor.

   «O sol já brilha no céu, dando ao cinzento do mar o seu tom avermelhado. Os abutres secam as asas ao vento. Cheira a queimado. O dilúvio seco, uma praga criada em laboratório pelo homem, exterminou a humanidade. Mas duas mulheres sobreviveram: Ren, uma dançarina de varão, e Toby, que do alto do seu jardim no terraço observa e escuta. Está aí mais alguém?»

A crítica
«Por detrás deste romance encontra-se uma acesa preocupação ambiental, bem como uma indagação, esta mais subtil, acerca daquilo que faz de nós humanos.» - Telegraph

«A maior escritora viva do Canadá sabe, sem sombra de dúvida, contar uma história viciante.» - The Washington Post

«Acima de tudo, Margaret Atwood é genuinamente inventiva, e não apenas inteligente… uma escritora com uma espirituosidade metafísica que consegue sempre distorcer os nossos preconceitos. A sua imaginação fértil e rica exerce um efeito de exuberância, e muitas vezes de comicidade, mas o seu espírito satírico e retorcido não a limitam nem a definem. Os horrores e as ameaças são reais e envolventes porque estão enraizados em personagens humanas.» - Telegraph

«Personagens inesquecíveis, um ritmo minuciosamente controlado e cenas chocantes de tão verosímeis dão asas a este livro, até chegarmos a um final misterioso, de arrepiar.» - The San Francisco Chronicle

«Inquietante, num tempo em que a escassez de recursos naturais, as espécies em vias de extinção, as experiências ao nível da genética e o aquecimento global são tudo menos ficção.»USA Today

A autora
  Margaret Atwood nasceu em Otava em 1939. É a mais conhecida autora canadiana e publicou mais de quarenta livros de ficção, poesia e ensaio. Recebeu diversos prémios literários ao longo da sua carreira, incluindo o Arthur C. Clarke, o Booker Prize, o Governor General’s Award e o Giller Prize, bem como o prémio para Excelência Literária do Sunday Times (Reino Unido), a Medalha de Honra para Literatura do National Arts Clube (EUA), o título de Chevalier de l’ Ordre des Artes e des Lettres (França) e foi a primeira vencedora do Prémio Literário de Londres.
   Os seus livros estão traduzidos para trinta e cinco línguas. Vive em Toronto com o escritor Graeme Gibson.


Da mesma autora na Bertand:
O Assassino Cego
A Senhora Oráculo
Desforra – A Dívida e o Lado
Sombrio da Riqueza
Órix e Crex – O Último Homem